Melz Assessoria de imprensa

[28/11/2012] Museu Hering comemora dois anos com identidade visual própria e lançamento de novo site
28/11/2012

Com mais de 130 anos de história, a Cia. Hering é uma das mais antigas indústrias têxteis em atividade no Brasil. Para mostrar para o mundo o que foi feito ao longo de todas essas décadas, a empresa abriu em 2010 o Museu Hering, que acaba de completar dois anos. Em comemoração ao segundo aniversário, o local ganhou uma identidade visual própria, elaborada sob a supervisão dos profissionais Jackson Araujo e Luca Predabon, com know how em moda e design, e ainda um site, desenvolvido pela Morphy Agência Interativa, totalmente inspirado nas novidades do museu.

De acordo com o gerente de projetos da Morphy, Denis Budag, o intuito do site foi criar um espaço virtual que abrigasse as informações sobre o local. “Todo o trabalho foi feito em uma parceria intensa entre nós e a equipe do museu com a intenção de divulgar o dia a dia e também a história que está abrigada lá e que, inclusive, muitos blumenauenses não conhecem”. Ele explica que a página é de fácil navegação e permite a total autonomia da equipe para atualizar informações e imagens. Na home, as notícias, a agenda e as imagens internas podem ser alteradas a qualquer momento, de acordo com os eventos que serão realizados ou as novidades da casa.

Para o layout, a inspiração partiu do Enxaimel Type, fonte tipográfica personalizada e desenvolvida para o espaço pelo publicitário Vitor César. No enxaimel, a estrutura das paredes é feita com vigas de madeira que se encaixam e se atravessam, na horizontal, vertical ou em diagonal, formando um quadro para ser preenchido com tijolos ou taipa. Desta composição, surgem as formas geométricas que inspiraram o Enxaimel Type, nas versões regular, light e bold. “Para trazê-la para a web, suavizamos um pouco a tonalidade para não pesar na leitura”, explica Denis. A fonte pode ser vista nos títulos dos projetos gráficos do site e também no livro Museu Hering: conquistas e possibilidades criativas, que pode ser lido na íntegra aqui.

Sobre o Museu Hering
O espaço se utiliza de recursos tradicionais, como a exposição de objetos antigos, de paineis expositivos e visores fotográficos. Mas inova apresentando avançadas tecnologias multimídia. Terminais touchscreen contam a história oral, enquanto nos televisores é possível conferir as campanhas publicitárias de TV a partir da década de 1970 e os processos produtivos/criativos da indústria da moda. No espaço de customização, o visitante inventa moda, personalizando a sua camiseta. Basta comprar uma camisa branca no Espaço Hering, loja instalada em frente do local, e escolher a estampa. Esse projeto foi realizado em parceria com a Morphy Agência Interativa em 2011. A personalização é gratuita. O visitante paga apenas o valor da camisa.

Sobre a Morphy
É uma empresa que atua no mercado de soluções interativas para Internet e outras plataformas. Conta com uma equipe de profissionais com muitos anos de experiência em desenvolvimento de aplicativos, ferramentas e sistemas nas plataformas web e mobile. Já realizou trabalhos para clientes de grande porte como Banco do Brasil, Beto Carrero World, Dudalina, Hering, Portobello, WEG e muitas outras empresas de destaque em seus segmentos.

Reprodução