[31/08/2012] Casa di Fiore realiza fim de semana com descontos especiais

Quem gosta de plantas e procura por bons preços não pode deixar de visitar a Casa di Fiore neste fim de semana. No sábado (1º) e domingo (2), o maior garden center de Blumenau (SC) terá promoçõe imperdíveis para seus clientes. Samambaias, antúrios, palmeiras, plantas ornamentais, suculentas, cactos e outras espécies terão descontos de 10% a 50%. Itens como caixarias, cachepôs sintéticos, cuias, vasos de cerâmica e jogos de mesa com cadeiras para jardim também poderão ser adquiridos por preços especiais.

Durante os dois dias, os clientes que passarem pela Casa di Fiore serão recepcionados com café e suco. Além disso, quem comprar qualquer tipo de planta concorre automaticamente a uma floreira com temperos para deixar a cozinha ou a horta de casa mais bonitas. No sábado, o garden center atende das 8h30min às 16h, sem pausa para o almoço; e no domingo, das 9h ao meio-dia.

[26/07/2012] Vem aí mais um Dia D Ofertas

Que tal renovar a decoração da casa ou do jardim sem gastar muito? No próximo fim de semana, aproveite o Dia D Ofertas da Casa di Fiore para fazer isso. No sábado (28) e no domingo (29), o maior garden center de Blumenau terá preços especiais em diversos produtos. Samambaias, bromélias para jardim e outras plantas serão vendidas com 30% de desconto e parceladas em até 36 vezes pela Viacredi. As novidades ficam por conta de flores vindas diretamente de Holambra (SP) e Campinas (SP).

Além disso, a partir das 9h de sábado a Casa di Fiore oferecerá um café da manhã especial a seus clientes. A equipe do garden center estará presente também para instruir o público e esclarecer quaisquer dúvidas sobre plantas e jardinagem. No sábado, o Dia D Ofertas será das 9h às 16h; no domingo, das 9h ao meio-dia.

[28/06/2012] Mais saúde à mesa

Mesmo morando em apartamento, quem não gostaria de ter uma horta à sua disposição? Poder colher os temperos, frutas e legumes saudáveis e sem agrotóxicos para garantir uma alimentação saudável? Para a engenheira florestal e gerente da Casa di Fiore, Ana Glória Nunes, é perfeitamente possível cultivar diversas plantas, mesmo que o espaço disponível seja pequeno. “Para quem mora em apartamentos ou possui jardins com pouco espaço, a melhor opção é montar uma mini-horta. Com alguns cuidados básicos, em pouco tempo as plantinhas já poderão ir à mesa”, conta.

Segundo a gerente, as espécies mais procuradas pelos apaixonados por hortas são os temperos em geral, alface, couve, beterraba e morango, por serem de fácil cultivo. “Quando a horta é feita na vertical ou horizontal (com vasos nas paredes) sobra mais espaço para o plantio e o número de plantas que poderão ser cultivadas aumentam consideravelmente”, ressalta.

As árvores frutíferas não ficam de fora. Se o apartamento possuir sacada, algumas espécies podes ser cultivadas em vasos grandes. É o caso da jabitucabeira, que posta em local com sol e claridade com certeza dará frutos.

Além das regas, uma mini-horta exige alguns cuidados. Sol e luminosidade é fundamental para o desenvolvimento das plantas. “Além disso, os vasos precisam receber terra composta com adubo orgânico. Periodicamente é importante fazer a limpeza, a adubação e a aplicação de defensivos naturais, que evitam a proliferação de fungos. São cuidados simples, que garantem alimentos sempre frescos para a sua família”, completa.

Sobre a Casa di Fiore
A Casa di Fiore é o maior garden center do Vale do Itajaí. Localizado na Rua Fernando de Souza, próximo à Via Expressa, em Blumenau, trabalha com plantas, vasos, acessórios e produtos especiais. São mais de 1.600 metros quadrados de opções para os apaixonados por plantas.

[20/01/2012] Plantas aquáticas: como cuidar?

Com estruturas mais simples e reprodução em velocidade maior em relação às demais espécies, as plantas aquáticas habitam desde brejos até ambientes totalmente submersos. Elas desempenham um papel bastante importante no funcionamento dos ecossistemas em que estão presentes, já que são capazes de estabelecer uma forte ligação entre o sistema aquático e o ambiente terrestre que o circunda. Em aquários de água doce, onde são comumente cultivadas, protegem os peixes mais tímidos oferecendo abrigo e segurança.

A engenheira florestal e gerente da Casa di Fiore, Ana Glória Nunes, explica de que forma estas plantas podem ser utilizadas como adorno paisagístico. “Apesar de haver uma variedade muito grande de espécies, devemos tomar cuidado na hora de combinar as plantas. Isso porque é necessário respeitar alguns fatores como pH, dureza da água, temperatura, entre outros”, destaca.

O sucesso de um jardim aquático está nas mãos de quem cultiva. É fundamental que as plantas recebam iluminação apropriada e nutrientes na dose certa. Além disso, lagos e espelhos d’água devem ser dotados de bombas corretamente dimensionadas para movimentar e oxigenar a água. Ana diz que a manutenção do equilíbrio nutricional da planta é outro aspecto importante para que o ataque de pragas seja evitado. “O uso de inseticidas químicos deve ser controlado, principalmente nos casos em que as plantas compartilham o mesmo espaço que os peixes”, conclui.

[17/01/2012] Uma farmácia em casa

Nos dias de hoje, com a vida corrida e a praticidade das drogarias, muitas pessoas acabam se esquecendo de um componente muito importante nos tratamentos de doenças e dores em geral: as plantas medicinais. Substâncias presentes nestas espécies são comumente utilizadas para a fabricação dos remédios, mas a essência das ervas costumava ser utilizada pelas gerações anteriores em forma de chás e compostos curativos especiais. Mesmo que o tempo tenha passado e as farmácias tenham surgido para facilitar nossas necessidades, ainda há quem prefira cultivar estas plantas em casa para tratar seus filhos ou netos.

Ana Glória Nunes, engenheira florestal e gerente da Casa di Fiore, diz que a melhor alternativa, neste caso, é semear as ervas medicinais em vasos. Se houver espaço, você pode também abrigar as plantas em uma pequena horta. “Uma vez que serão utilizadas para manter ou corrigir a saúde de alguém, é vital que as ervas sejam bem iluminadas e regadas. O importante é fazer com que elas recebam todos os nutrientes necessários”, explica. Hortelã, erva-doce e eucalipto são ótimas escolhas de plantio.

Outro ponto que merece destaque é o preparo dos chás medicinais. Para aproveitar todas as substâncias que a planta oferece, é necessário usar a técnica da infusão de água quente. A regra é simples: coloque a água para ferver e, quando começar a borbulhar, desligue o fogo; tampe o bule e aguarde por alguns minutos até que o processo seja finalizado. “Assim, todos os benefícios do chá são preservados”, finaliza Ana.

Facebook
LinkedIn
Instagram