Cerveja Blumenau vai inaugurar fábrica própria ainda em 2016

Seis meses depois do lançamento dos primeiros rótulos, a Cerveja Blumenau prepara o próximo e fundamental passo para a conquista de novos mercados: a abertura da fábrica própria. A marca, hoje produzida como “cigana” (jargão cervejeiro para quando uma receita é produzida numa estrutura terceirizada) será fabricada num espaço de 1,4 mil metros quadrados localizado no bairro Itoupavazinha, em Blumenau (SC).

Inicialmente, a capacidade produtiva da fábrica será de 60 mil litros ao mês. A inauguração está marcada para o fim de junho.

Valmir Zanetti, um dos sócios do empreendimento, comenta que esse passo tem o objetivo de aumentar o número de pontos de venda no país e ampliar a linha de produtos rapidamente nos próximos meses. “Vamos lançar mais dois rótulos até o Festival Brasileiro da Cerveja, em março, ainda inicialmente produzidos de maneira terceirizada”, afirma. Hoje, o mix da Cerveja Blumenau conta com a Capivara Little IPA, a Capivara Viva e a Ipê Amarelo.

O cervejeiro da Cerveja Blumenau, Fernando Lapolli, comenta que a repercussão da medalha de ouro no Brussels Beer Challenge 2015, um dos concursos mais importantes do mundo, foi um grande estímulo a esse passo. “Sabíamos da qualidade da cerveja, mas esse reconhecimento, especialmente por termos ganhado de cervejarias mundialmente conhecidas pela qualidade das suas IPAs, nos certificou de que há um espaço para a marca no mercado mundial”, diz.

Dedicação exclusiva
Com o esforço necessário para fomentar o crescimento da Cerveja Blumenau, Valmir se afasta das operações da Cervejaria Bier Vila (que passa a ser comandada por Ulysses e Fabíola Kreutzfeld) e Eisenbahn Bierhaus (que está sob o comando de Eduardo e Patricia Evers, do Empório e do Boteco São Jorge).

Rótulos hoje comercializados pela Cerveja Blumenau. Imagem: Reprodução
Rótulos hoje comercializados pela Cerveja Blumenau. Imagem: Reprodução