Confira destinos que unem neve e esqui e estão conquistando cada vez mais os brasileiros

De acordo com o especialista em turismo Gelson Walker, a combinação já está entre as mais procuradas e garante ao viajante experiências únicas. Ele dá dicas para a escolha do roteiro e cuidados na hora de planejar a viagem.

Em um país de clima tropical e temperaturas predominantemente amenas, curtir o frio é quase impossível. Com exceção do Sul, o Brasil se destaca mesmo pelas opções destinadas a quem ama o calor. No entanto a paixão do brasileiro pelas sensações térmicas baixas é cada vez mais evidente. E um dos destaques de destinos com essa característica é o esqui, atração progressivamente procurada pelos viajantes, de acordo com Gelson Walker. Especialista em turismo há mais de 10 anos, o diretor da Tô Indo Viagens comenta que hoje não são apenas locais europeus ou no Norte da América que são indicados para quem quer conhecer mais e praticar esse esporte. “Um exemplo são os alpes chilenos, muito em alta entre os destinos dos brasileiros. Além de prático e viável para quem quer realizar o sonho de esquiar em um dos lugares mais bonitos do mundo”, diz.

De acordo com Gelson, há ainda outras opções para quem quer aproveitar a neve e conhecer mais sobre o esporte. O especialista indica três destinos:

Bariloche
Na Argentina, a cidade faz parte dos locais mais procurados para quem quer ver a neve e esquiar. Utilizadas tanto por iniciantes quanto por pessoas mais experientes no assunto, suas estações de esqui estão entre as mais famosas de toda a América do Sul. Gelson aponta que uma das mais importantes é a Cerro Catedral, que conta com 60 pistas de esqui distribuídas em 120 quilômetros. “Há uma ótima estrutura para receber os milhares de turistas em sua alta temporada – entre julho e agosto -, quando chega a receber cerca de 8 mil visitantes por dia”, comenta.

Santiago
Próximas da capital do Chile, as principais estações de esqui chilenas ficam nos arredores de Santiago. No Valle Nevado Ski Resort, famoso por oferecer ampla estrutura para a prática, entre janeiro e fevereiro deste ano a visita de brasileiros cresceu 17% em comparação a 2017. “A estação abriga três hotéis, quatro bares, seis restaurantes e pubs, 45 pistas para esquiou snowboard, teleféricos, lojas e apartamentos residenciais, aluguel de equipamentos e a possibilidade de aulas para crianças e para adultos iniciantes”, destaca.

Ontário
Distante duas horas e meia de Toronto e três horas de Ottawa, no Canadá, a estação Blue Mountain é uma das opções. Além do esqui, é possível encontrar outras atividades de lazer e entretenimento, como shopping, spa, vila, montanha-russa, patinação, restaurantes, cafés e bares. “São 42 pistas de neve que ficam abertas até às 22h, onde há aluguel de roupas e de equipamentos”, finaliza Gelson.

Sobre a Tô Indo Viagens
Chancelada pelos mais importantes fornecedores e instituições ligadas a viagens do país, a Tô Indo Viagens tem mais de 10 anos de atuação. Além do atendimento a empresas e viajantes, a marca trabalha ainda com eventos corporativos e com a comercialização oficial de espaços para marcas nos camarotes da Oktoberfest. Mais informações: www.toindoviagens.com.br.