Melz Assessoria de imprensa

E o meu retorno de mídia, como está?
08/12/2016

[Sabrina Hoffmann, que vê os resultados dos clientes da Melz e sente um orgulho muito maior do que os números!]

Essa pergunta causa calafrios para a maioria dos assessores de imprensa. Isso porque o Retorno sobre o Investimento (ROI) da nossa área é bem mais complexo de ser avaliado do que a maioria dos setores de qualquer empresa. Todo mundo quer saber se o valor aplicado mensalmente está dando resultado.

A primeira afirmação que podemos fazer é também um balde de água fria pra muita gente: investir em assessoria de imprensa não tem nada a ver com ver o cofrinho enchendo no mês seguinte. Você não irá nadar num mar de moedinhas assim que o primeiro release for disparado.

O trabalho de uma assessoria de imprensa acontece em longo prazo e é complexo porque está ligado diretamente com a imagem do seu negócio, produto ou serviço. Sabe por que uma entrevista tem peso super importante para elevar o conceito da sua empresa? Porque partimos do princípio de que os jornalistas buscam ouvir apenas quem é especialista no assunto tratado.

Ou seja: o retorno de mídia da assessoria é subjetivo e tem mais a ver com construção de imagem do que com o seu saldo bancário. Pergunte a si mesmo: quanto vale a reputação do meu negócio? É com ela que a assessoria trabalha.

Diariamente criamos materiais que têm por objetivo posicionar os nossos clientes como referência na área em que atuam. Queremos que eles não sejam mais uma empresa dentro de um segmento, mas o nome que será lembrado quando o jornalista – e, consequentemente o leitor e consumidor – falar sobre determinado assunto.

Claro que o gestor, diretor ou o departamento de marketing querem visualizar, de alguma forma, qual o retorno que o investimento em assessoria de imprensa está trazendo. E é por esse motivo que recebem periodicamente relatórios contendo descrição de atividades, pautas e também os espaços em que a marca, empresa ou produto apareceram. É comum também que as assessorias mostrem como ROI uma comparação entre o custo de um espaço publicitário nos veículos de mídia ou o número de assinantes e acessos mensais dos veículos.

Assim, você pode ter uma visão de como a equipe a quem você confiou a sua empresa está trabalhando. Porém, existe uma série de ações que são invisíveis: os inúmeros contatos com a imprensa até o agendamento de uma entrevista, o planejamento estratégico, estudo de marca e mercado, análise de concorrência. Tudo isso faz parte da rotina da assessoria.

A construção de uma marca e a sua reputação na imprensa acontece em longo prazo. Por isso é tão difícil para o assessor entregar um relatório com números fechados. O nosso trabalho é totalmente diferente das áreas de exatas. Não lidamos com números, mas com opiniões e impressões – da mídia, do leitor e dos próprios clientes.

Somos de humanas, sim, senhor, e nossos resultados vão além dos números! A gente não constrói gráficos, mas sim reputações! Quer fortalecer a sua? Conta com a gente!

Veja outros posts sobre assessoria de imprensa no blog da Melz:

– A pauta sobre a minha empresa não foi publicada. E agora?
Clipagem segmentada: onde realmente está o seu cliente?
A pressão das entrevistas ao vivo e como sobreviver
– Erroooou! Cinco falhas comuns em entrevistas para TV
– Pauta, release ou artigo? Os três!
– Deadline: respeite o prazo ou quem “morre” é você