Melz Assessoria de imprensa

Ecotag recebe mais de 10 toneladas de equipamento e reforça produção nacional de lacres de autenticidade
06/02/2017

Janeiro começou agitado para a Ecotag. A indústria, que fica em Blumenau (SC), recebeu no dia 19 mais de 10 toneladas de equipamentos que serão responsáveis por um acréscimo significativo na produção. Os lacres de autenticidade produzidos pela empresa aumentam o controle das marcas contra a pirataria e ainda atestam ao consumidor que o produto que ele está adquirindo é legal. Com o investimento, a capacidade produtiva deve subir para 60 milhões de peças ao ano.

O diretor executivo da Ecotag, Junior Souza, afirma que as máquinas foram colocadas em funcionamento em tempo recorde e já estão produzindo. “Até pouco tempo atrás, as marcas brasileiras só conseguiam comprar da Ásia. Além de uma qualidade inferior, os itens demoravam meses para chegar e a compra tinha que ser de um volume imenso. Isso sem contar a falta de controle sobre as questões sociais e ambientais. Nós temos uma produção brasileira, com responsabilidade em todos os âmbitos, entrega rápida e sob demanda. Isso motivou nosso crescimento exponencial e os novos investimentos”, comenta.

Além do atendimento ao mercado nacional, a Ecotag trabalha também com as oportunidades na América Latina. As exportações já chegam a alguns países e a meta é aumentar a abrangência. “Nosso processo é automatizado e com o conceito de indústria 4.0. Vamos trabalhar para levar essa tecnologia e segurança à outros mercados”, finaliza Junior.

Ecotag - 170202 - Entrega dos equipamentos (Divulgação)Equipe da Ecotag recepciona os novos equipamentos (Divulgação)