Melz Assessoria de imprensa

Pesquisa aponta que 89% dos brasileiros mudariam seus hábitos alimentares por uma vida mais saudável. Tecnologia pode ser aliada
20/11/2014

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a obesidade mais que dobrou no mundo todo desde 1980. Atualmente, 65% da população vive em países em que o sobrepeso e a obesidade matam mais que a desnutrição. A situação se tornou um problema de saúde em todo o planeta e cada vez mais governo, empresas e pessoas têm unido esforços para combater o problema.

Uma pesquisa da Win Américas mostra que muita gente está propensa a levar uma vida mais saudável: no Brasil, 89% da população está disposta a mudar seus hábitos alimentares. O problema é que, apesar de 75% das pessoas de todos os países participantes do estudo estarem dispostos a realizarem a mudança, apenas 19% conseguem.

De olho na crescente busca pela saúde, a HSBIS, empresa de tecnologia da informação, criou uma solução voltada à gestão e monitoramento de ações realizadas pelos setores de medicina preventiva de operadoras, hospitais e até mesmo empresas privadas. “Sabemos que a saúde influencia diretamente na produtividade do colaborador, e, consequentemente nos resultados da empresa ou no aumento dos gastos com o plano de saúde. O HB.Prever surgiu justamente para evitar que se chegue a esse ponto: ele monitora indicadores de saúde e de hábitos de vida agrupando os participantes em grupos de risco e mensurando os resultados das ações voltadas para cada um deles”, explica Gilberto Moura, coordenador de produtos.

O resultado do investimento da companhia no setor de saúde já começa a parecer. Em 2014, o HB.Prever já soma 2 milhões de vidas monitoradas, advindos principalmente de operadoras de planos de saúde que contrataram a solução para reduzir os custos e criar um relacionamento mais próximo com os seus clientes, incentivando a busca de uma vida mais saudável.

Santo de casa faz milagre
Enquanto lançava a solução no mercado, a HBSIS resolveu testar o HB.Prever dentro da própria empresa. A solução monitora os índices dos 275 colaboradores da companhia, que passam por exames e consultas periódicos com o médico da empresa, em ambulatório próprio.

Os dados do acompanhamento revelaram sobrepeso e sedentarismo de boa parte dos profissionais e algumas medidas foram tomadas. A distribuição de frutas e frutas secas para incentivar a alimentação saudável e o programa Vida Slim, que deu a 30 participantes um acompanhamento de seis meses com nutricionista, foram os principais.

Os resultados refletem o que a pesquisa da Win Américas revelou: as pessoas querem mudar os hábitos mas nem sempre sabem como. Com o apoio da empresa os participantes do Vida Slim conquistaram uma redução média de 10% nos níveis de colesterol, 24% nos triglicerídeos e 5% no índice de Massa Corporal (IMC).

Sobre a HBSIS
Focar os profissionais nas decisões e estratégias de negócios, deixando que a tecnologia faça seu papel no processo de controle e monitoramento de informações. Este é o objetivo da HBSIS, empresa de Blumenau (SC) especializada em soluções de TI.

Hoje são cerca de 275 profissionais atuando nos produtos HB.Prever (solução para a área de saúde), HB.Conselhos (solução para a área de conselhos profissionais), HB.MDM (solução para a área de logística e distribuição) e Outsourcing de TI.

Equipe da HBSIS conta com atendimento médico regular em ambulatório da própria empresa. Imagem: Daniel Zimmermann

Equipe da HBSIS conta com atendimento médico regular em ambulatório da própria empresa. Imagem: Daniel Zimmermann

Distribuição de frutas é uma das ações que buscam incentivar uma vida mais saudável. Imagem: Daniel Zimmermann

Distribuição de frutas é uma das ações que buscam incentivar uma vida mais saudável. Imagem: Daniel Zimmermann