Startup fintech facilita parcelamento da CNH em até 12 vezes

Ser um motorista habilitado é, para muitos, uma necessidade. Para outros, é a realização do sonho de conquistar a liberdade atrás do volante. Mas a questão financeira é um dos grandes entraves na hora de obter a carteira de motorista. Só no último ano, o processo para retirada da primeira habilitação sofreu aumento de 13% e ficou em torno de R$ 1,5 mil. Em 2016, com a aprovação resolução 543 do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) que torna obrigatório o uso simuladores de direção veicular, a expectativa é de que o custo suba cerca de R$ 300,00.

Para facilitar o acesso à habilitação, a tecnologia pode ser uma grande aliada. Foi com esse intuito que a startup fintech catarinense PagueVeloz resolveu investir no setor. A empresa, que oferece uma solução prática para pagamentos online, já conta com autoescolas do Sul e Sudeste em sua lista de clientes e possibilita o parcelamento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em até 12 vezes no cartão de crédito.

“É uma facilidade a mais, principalmente porque a maioria das pessoas já conta com um orçamento enxuto. Diluir um valor de cerca de R$ 1,5 mil possibilita a realização do sonho de muita gente, que até então não tinha condições de fazerem a carteira de motorista”, comenta o fundador da PagueVeloz, José Henrique Kracik da Silva, conhecido como Zote.

Manter a documentação do carro em dia também é opção
Se a carteira de motorista é um passo importante para muitos brasileiros, o carro é, sem dúvidas, o próximo sonho da lista. A PagueVeloz também conta com um serviço dedicado ao pagamento de débitos veiculares.

De forma online ou através da máquina de cartões, despachantes podem oferecer a opção de parcelamento de IPVA ou multas em até 12 vezes. “O pagamento e gerenciamento online de boletos é um serviço quase que comum hoje no país. É preciso se diferenciar e estas novas opções fazem da nossa solução um diferencial para os negócios”, comenta Zote.

Facilidade também para as empresas
Enquanto na maioria dos sistemas a companhia só recebe o valor parcelado pelo cliente a cada mês, com a PagueVeloz, o crédito entra na conta com o valor total, assim que a operadora do cartão autoriza a transação. “Isso faz com que o empresário tenha mais recurso em caixa e possa movimentar o seu negócio. É um incentivo para que ele se destaque não só no seu segmento, mas também na economia como um todo”, conclui o fundador da startup.

Sobre a PagueVeloz
Fundada em 2013, a PagueVeloz é uma startup do segmento fintech, que inova o mercado ao aliar finanças e tecnologia para facilitar a vida financeira dos usuários. Com sede em Santa Catarina e atuação em todo o país, a empresa é responsável pelo desenvolvimento do gateway de pagamento de nome homônimo, utilizado para lojas virtuais e empresas em geral, que permite a emissão e gerenciamento de boletos, parcelamento de débitos veiculares e primeira habilitação via cartão de crédito. Além disso, facilita o envio de SMS de forma prática e integrada ao sistema corporativo das empresas. Uma das plataformas mais simples do país, o sistema PagueVeloz conta com Interface de Programação de Aplicativos (API) aberta, seguindo os padrões atuais de integração via internet, com documentação disponível online, o que permite que qualquer programador o integre a outro sistema.

PagueVeloz facilita a gestão de pagamentos online, parcelamento de débitos veiculares e envio de SMS. Imagem: Daniel Zimmermann

PagueVeloz facilita a gestão de pagamentos online, parcelamento de débitos veiculares e envio de SMS. Imagem: Daniel Zimmermann

Facebook
LinkedIn
Instagram