[09/08/2012] Bier Vila traz chope Belgian, da Saint Bier, para Blumenau

A Cervejaria Bier Vila está com uma novidade bem diferente. Além dos chopes mais populares – Pilsen, Weizen e Pale Ale -, a choperia também conta com o Belgian da cervejaria Saint Bier, de Forquilhinha (SC). A novidade deve agradar os fãs das cervejas mais adocicadas como as Strong Golden Ales.

Valmir Zanetti, superintendente do Empório Vila Germânica, afirma que é uma ótima oportunidade para conhecer novos estilos. “Muitas pessoas gostam de provar novas cervejas e chopes, e o Belgian foi trazido exatamente por este propósito”, diz.

O novo chope é do estilo Belgian Golden Ale, similar ao Strong Golden Ale. De origem belga, é mais adocicado que o popular pilsen e leva uma mistura de três maltes e lúpulos especiais no processo de fabricação.

O Belgian estará disponível enquanto durarem os estoques, portanto aproveite para degustar a novidade.

Sobre a Bier Vila
Localizado em Blumenau, o empreendimento oferece cervejas das mais variadas, desde as internacionais até as nacionais. É possível fazer uma verdadeira viagem trilhando as escolas cervejeiras e os mais diferentes estilos e sabores da bebida. Tudo isso acompanhado, é claro, de um cardápio com petiscos e pratos deliciosos no Parque Vila Germânica, cartão postal de Blumenau.

[29/06/2012] Bier Vila vende cervejas com sabores brasileiros

Quem esteve nas duas edições do Festival da Cerveja, em Blumenau (SC), teve a chance de degustar as mais diversas cervejas do Brasil. Além das mais variadas adaptações de estilos criados lá fora, muitos cervejeiros caseiros resolveram abrasileirar a bebida tão popular. Renato Marquetti Jr., dono da cervejaria Sauber Beer, de Mogi Mirim (SP), mostrou duas variações dos conhecidos estilos ale e weizen, que levaram ingredientes inusitados: abóbora e tangerina. O resultado foi um sucesso no Festival e agora também será na Cervejaria Bier Vila, que passou a comercializar os dois produtos.

A Sauber Pumpkin é uma cerveja de estilo pale ale em que foi acrescentado durante o processo de maturação a abóbora. O resultado pode ser percebido claramente tanto no sabor quanto no aroma. Tem uma ótima drinkability e é refrescante, podendo ser servida em uma temperatura mais baixa.

Já a Tangerine é uma weizenbier, desta vez com a adição de casca de tangerina, também no processo de maturação. Devido à alta carbonatação, característica típica das cervejas de trigo, ela é refrescante e, com a adição apenas da casca da fruta, foi possível um resultado ainda mais suave e levemente cítrico. Também possui ótima drinkability, sendo uma das preferidas entre as mulheres. O aroma é inconfundível e quase nostálgico.

As duas cervejas já estão à venda na Cervejaria Bier Vila. “Nossa carta de cervejas foi ampliada recentemente e agora conta com mais de 100 rótulos. Com a Sauber Beer, aumentamos ainda mais a seleção de cervejas nacionais. É uma ótima oportunidade para conhecer e prestigiar as boas cervejas feitas aqui mesmo no Brasil”, diz Giovani Isensee, diretor comercial do Empório Vila Germânica.

Sobre a Bier Vila
Localizado em Blumenau, o empreendimento oferece cervejas das mais variadas, desde as internacionais até as nacionais. É possível fazer uma verdadeira viagem trilhando as escolas cervejeiras e os mais diferentes estilos e sabores da bebida. Tudo isso acompanhado, é claro, de um cardápio com petiscos e pratos deliciosos no Parque Vila Germânica, cartão postal de Blumenau.

[15/06/2012] Cervejaria Bier Vila passa a comercializar cerveja lambic

A Bier Vila conta com mais uma novidade. A Vivre Pour Vivre é a primeira lambic da carta de cervejas da cervejaria. Trazida de Minas Gerais, o produto é da Falke Bier, que participou também do Festival da Cerveja. Outras características do rótulo são a produção sazonal e o título de uma bebida de alto status.

A parceria com a Falke Bier foi resultado da iniciativa de ampliar os estilos servidos na Bier Vila. “As cervejas lambic são raras aqui no Brasil e muitas pessoas nunca provaram uma. Agora é possível apreciar aqui mesmo em Blumenau, na capital da cerveja”, afirma Giovani Isensee, diretor comercial do Empório Vila Germânica.

A Vivre Pour Vivre, que custa R$ 297,00, é uma fruit bier de estilo sour ale, conhecida popularmente como lambic. “Assim como os espumantes não são chamados de champagnes porque este termo é específico para os produtos produzidos na França, optamos por não utilizar o termo lambic no rótulo em respeito à nomenclatura que é específica para as cervejas produzidas na Bélgica. No entanto, todas as características da Vivre Pour Vivre se assemelham as de uma lambic”, explica Marco Falcone, sócio da Falke Bier.

Ela passa por três fermentações, sendo uma delas com leveduras selvagens. Esta lambic entra na subcategoria fruit, pois leva adição de frutas, neste caso, jabuticabas. Por último, é uma sour por ser mais ácida. A Vivre Pour Vivre é uma cerveja suave, que lembra um espumante e deve ser servida em taças ou flautas.

Uma curiosidade é o nome da cerveja. Vivre Pour Vivre é o título do filme homônimo, dirigido por Claude Lelouch, de 1967. O filme foi estrelado por Yves Montand e Candice Bergen e a música é de Francis Lai. A Falke Bier recomenda a degustação da cerveja ao som de Theme de Vivre, da trilha sonora do filme.

[31/05/2012] Fechada a primeira turma do curso de sommelier de cerveja em Santa Catarina

O primeiro curso de sommelier de cerveja de Santa Catarina está com as inscrições encerradas. Mais de 60 profissionais de diversos setores participarão das aulas coordenadas por Estácio Rodrigues e ministradas por Kathia Zanatta e Alfredo Ferreira. As aulas começam no dia 15 de junho no segundo andar da Cervejaria Bier Vila, em Blumenau (SC).

O curso é uma realização do Empório Vila Germânica com o patrocínio da Eisenbahn, Bierland, Cristal Blumenau, Stuttgart, Empório São Patrício, Tarantino, Beer Maniacs, ON Trade, Buena Beer, Bier & Wein, Mamãe Bebidas, Armazém do Nono e Beer Legends.

Alguns destaques do programa
O conteúdo programado do curso envolve desde aspectos teóricos como a história da cerveja, legislação da bebida e marketing de cerveja até aspectos práticos como o modo de servir, técnicas de harmonização e análise sensorial. São cerca de dezesseis cervejas degustadas a cada final de semana de curso.

Um dos destaques do curso é o módulo de off flavor (defeitos sensoriais). Os participantes aprenderão a perceber alguns dos principais defeitos que podem estar presentes em uma cerveja, a partir de cápsulas Flavor Active importadas da Alemanha.

Os integrantes que passarem pelas duas provas teóricas, uma prova prática e pelo trabalho de conclusão recebem o certificado como Sommelier de Cerveja pela ABS-SP/ASI.

[30/05/2012] Dia da Cerveja Brasileira movimenta cervejeiros em todo o país

Escolhido pelos Blogueiros Brasileiros de Cerveja (BBC), o dia 5 de junho é oficialmente o Dia da Cerveja Brasileira. A data é uma homenagem ao cervejeiro catarinense Rupprecht Loeffler e foi escolhida pelo seu aniversário. Carinhosamente apelidado de “Seu Lefra”, foi um dos mais longevos mestres cervejeiros do país, à frente da Cervejaria Canoinhense (SC). “Seu Lefra” era o mais antigo mestre cervejeiro brasileiro em atividade até falecer, em 27 de fevereiro de 2011, aos 93 anos. As cervejas criadas por ele e por sua família escreveram parte da história da “bebida mais saudável que existe” – como afirmava um de seus antigos rótulos – no Brasil.

A Cervejaria Bier Vila será uma das cervejarias do país a participar das comemorações. Na data será lançado o novo cardápio de cervejas do empreendimento, que passará de cem rótulos com destaque para as cervejas nacionais. No dia 5 de junho, a Cervejaria servirá chope azul, criado pela Bierland – a cor completa as cores da bandeira do Brasil, já que grande parte das cervejas são amarelas e os blumenauenses já conheceram a opção verde no Dia de São Patrício. De acordo com o diretor comercial do Empório Vila Germânica, Giovani Isensee, a ideia da comemoração é mostrar o crescimento do mercado de cerveja no Brasil.

De acordo com a Abrabe, o segmento da microcervejaria se encontra em fase de expansão e deve atingir 2% da fatia do mercado de cervejas em 10 anos. Esta tendência de crescimento é motivada, especialmente, pela busca por parte dos consumidores, de satisfação sensorial, além de ser favorecida pela melhora na renda da população brasileira nos últimos anos. A estimativa é de que existam cerca de 175 microcervejarias no Brasil concentradas, principalmente, nas regiões Sul e Sudeste, representando 0,15% do setor cervejeiro nacional.

Cardápio renovado
No novo cardápio de cervejas da Cervejaria Bier Vila, não faltarão opções nacionais e importadas. São mais de 100 rótulos. Entre eles estão diversas novidades que foram apresentadas ao público no Festival Brasileiro da Cerveja, cervejas frutadas (de abóbora e tangerina), mais duas opções de rótulos não-alcóolicos, a Estrella Damm Daura (específica para celíacos) e a entrada de uma cerveja no estilo Lambic.

Na gastronomia, a casa investe em diversos sabores de batatas rosti e uma maior diversidade de pratos típicos.

Sobre o Bier Vila
Localizado em Blumenau, o local oferece cervejas das mais variadas, desde as internacionais até as nacionais. É possível fazer uma verdadeira viagem trilhando as escolas cervejeiras e os mais diferentes estilos e sabores da bebida. Tudo isso acompanhado, é claro, de um cardápio com petiscos e pratos deliciosos e numa localização mais do que privilegiada.

Facebook
LinkedIn
Instagram