[30/05/2011] D&A Comércio Exterior premia vencedores do concurso Fazendo História

O concurso Fazendo História finalizou no dia 21 de maio e os nomes dos ganhadores já foram divulgados. A iniciativa da Associação Beneficente Capítulo Vale do Itajaí com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e da Prefeitura Municipal de Blumenau teve como objetivo desafiar os estudantes de 40 escolas e cerca de 3.500 alunos a mostrarem suas habilidades de escrita e oratória. A premiação foi doada pela D&A Comércio Exterior.

O tema do concurso era “de onde vem a corrupção?”. O objetivo, comenta Caio Marcelo Debossan, sócio da D&A Comércio Exterior, era estimular a formação de uma opinião sobre os malefícios da corrupção para a sociedade. As três primeiras colocadas no concurso são: Tainara Mello (EBM Conselheiro Mafra), com nota 9,50, Bianca G. Schilter (EBM Professor Oscar Unbehaun), com 9,45 e Rafaela Graciani (EBM Pedro II), com 9,25. A primeira colocada recebeu um notebook e uma impressora. Segunda e terceira colocadas ganharam um microcomputador com impressora.

Os finalistas
Além dos três ganhadores, os 10 finalistas também foram contemplados com uma medalha, certificado de participação, um curso de informática, um curso de oratória, um exemplar do Livro “O Segredo de meu Avô” da autoria de Fernando Henrique Becker e Silva, um vale Livro no valor de R$ 50,00 e a obra “Despertar o tempo”, de Marcelo Steil.

Confira os nomes dos finalistas:
Tainara Mello, da EBM Conselheiro Mafra, na Velha;
Diego Alan Nedel, da EBM Professor Fernando Ostermann, no Boa Vista;
Gabriela Izabel Westphak, da EBM Professor Friedrich Karl Kemmelmeier, na Itoupava Central;
Bianca G. Schilter, da EBM Professor Oscar Unbehaun, na Água Verde;
Rafaela Graciani, da EBM Pedro II, no Progresso;
Maria Gabriela de Souza, da EBM Paulina Wagner, no Badenfurt;
Samuel Müller Teles, da EBM Professora Adelaide Starke, na Itoupava Norte;
Ana Paula Dahllce, da EBM Paulina Wagner, no Badenfurt;
George Victor Alves da Silveira Rausch, da EBM Pastor Faulhaber, no Ribeirão Fresco;
Marcela Dalpiaz, da EBM Professor Oscar Unbehaun, na Água Verde.

[28/04/2011] D&A Comércio Exterior doa premiação para concurso de redação nas escolas

Há cerca de um mês, 40 escolas e cerca de 3.500 alunos de Blumenau foram envolvidos em um desafio: mostrar as suas habilidades em escrita e oratória com um tema pré-definido: de onde vem a corrupção? O concurso Fazendo História é uma iniciativa da Associação Beneficente Capítulo Vale do Itajaí com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e da Prefeitura Municipal de Blumenau. A D&A Comércio Exterior vai doar os computadores que serão entregues aos vencedores.

O concurso já está sendo divulgado nas escolas e para os alunos. Neste segundo ano do projeto, o tema é corrupção. Eduardo Augusto de Mattos, do departamento de Importação da D&A Comércio Exterior, explica que o objetivo do tema é dar um caráter mais sério para a produção e fazer com que os jovens comecem a entender desde cedo os malefícios da corrupção em todas as esferas. “O objetivo é que eles formem uma opinião a respeito deste importante tema que tanto é debatido na sociedade atual”, diz Eduardo.

Na edição de 2010, o concurso teve 800 inscritos. A expectativa é aumentar este número este ano. Clique aqui e assista ao vídeo do Concurso.

Regulamento

O Fazendo História começa por uma ação interna nas escolas. Através de informações cedidas pela Associação, os professores das oitavas séries solicitam que os alunos redijam o texto com o tema proposto. Dos materiais escritos, cinco são eleitos os representantes de cada escola. As dez melhores redações selecionadas por uma banca avaliadora serão levadas para uma apresentação oral. Nesta espécie de banca, será atribuída a ordem de premiação.

A primeira fase já foi concluída. No dia 13 de maio serão divulgados os resultados das dez finalistas e dia 21 de maio será a apresentação e a premiação.

——————–
Veja esta notícia também em:

Facebook
LinkedIn
Instagram