[1º/06/2012] De meros coadjuvantes a protagonistas

Coloridos, brancos, pretos. Não importa a cor ou a largura. É fato que os cintos fazem toda a diferença em um look. O que, por muito tempo serviu apenas para segurar a calça, saiu da posição de coadjuvante para ocupar uns dos principais papéis no mundo da moda. O jeans e camiseta branca, queridinhos para os dias em que não se sabe o que vestir, ganharam um charme a mais com aquele cintinho cheio de estilo. De acordo com a consultora de moda, Karla Althoff, proprietária da loja Dona Karlota, em Blumenau, o cinto é capaz de fazer uma revolução no visual e transformar uma produção apagadinha em um look moderno.

Para Karla, o cinto pode, inclusive, fazer a diferença para quem está com uns quilinhos a mais. “Marcar a cintura é sempre uma boa dica. É como perder peso em um passe de mágica”, brinca. Empresas cada vez mais investem em tamanhos maiores para agradar esse público. Na Dona Karlota há opções para mulheres com os mais variados tipos de corpo. Os tamanhos variam do M ao EG, este último com 1,40m de circunferência.

Sobre a Dona Karlota
A Dona Karlota surgiu para apresentar uma moda democrática. O empreendimento, administrado pela empresária e consultora de moda Karla Althoff, nasceu da vontade de abrir um leque de opções para que cada uma possa escolher o seu estilo, independentemente do corpo.

Tudo é pensado para atender bem as mulheres, sejam elas quais forem. A Dona Karlota dispõe de provador adaptado para receber clientes com necessidades especiais, e o ambiente conta com rampas de acesso e corredores amplos, justamente para facilitar a locomoção de cadeirantes e proporcionar bem-estar às clientes. Toda a estrutura é adaptada e oferece condições para prestar um bom atendimento, seja para portadoras de deficiências físicas, para mulheres mais gordinhas ou para as esguias.

[19/10/2011] Inspire-se nas flores

A tendência floral apareceu e de repente a moda acordou com uma invasão de flores em camisas, saias, calças, vestidos e acessórios. As peças com padrões de flores coloridos, em todas as suas nuances, se transformou em peça indispensável no armário feminino.

A camisa floral é a queridinha entre as mulheres. De acordo com a consultora de moda, Karla Althoff, proprietária da loja Dona Karlota, a peça sempre acrescenta feminilidade na produção, e pode ser usada o ano todo. Nessa época do ano, em que o tempo ainda não decidiu se ficará frio ou quente, especialmente durante a noite, ela é uma ótima pedida.

Na hora de escolher, tome cuidado com a estampa. Não é qualquer uma que te deixará mais bonita. Estampas muito grande ou em uma parte especifica do corpo, por exemplo, pode criar um volume indesejado. Para quem tem mais curvas é preciso prestar mais atenção nisso.

A camisa floral vai bem com o jeans básico, com a calça preta e se você gosta de inovar, arrisque-se em uma produção mais irreverente. Uma sobreposição sempre é uma boa pedida. Um vestidinho de cor lisa por baixo, por exemplo, pode dar um toque especial ao visual.

Na hora de escolher o sapato, não esqueça que ele não deve pesar o visual. O floral é romântico, portanto, nada melhor do que se inspirar nessa delicadeza e feminilidade na hora de decidir o que usará nos pés.

 

[07/10/2011] Se renda às saias longas

Elas chegaram de mansinho e tomaram conta. As saias longas deixaram esse inverno cheio de bossa e prometem um verão leve e refrescante, de acordo com a estilista Janaína Hames, da Gaz Up. De acordo com a profissional, elas vão bem com os mais variados estilos. Para quem quer dar um ar hippie à produção, ela destaca que é bacana investir em estampas étnicas e florais, e em acessórios com couro, camurça, franjas e cores. “As sandálias rasteiras não podem ficar de fora”, complementa. Para quem quer um ar mais sofisticado, o legal é abusar de acessórios chiques como anéis e colares com pedras e cintos finos e de couro. Como aquele friozinho ainda pode surgir de repente, usar a saia longa com casacos e blazers curtinhos vai garantir uma silhueta mais esguia e de quebra um visual charmoso.

Para quem tem dúvida do tipo de saia que ficar melhor, listamos algumas dicas para ajudar as mais indecisas:
– Longa e reta: Lembra muito as saias usadas nos anos 40. Esse estilo pode ser usado com camiseta e blaser.
– Longa e godê: Se você for baixinha e gordinha, fuja desse modelo. A saia godê longa é para as mais altas e magrinhas.
– Longa e de babados: Bem setentinha, esse modelo vai ser super badalado no verão. Para as magrinhas e cheinhas prestem atenção: o ideal é que sejam usadas com blusas mais sequinhas.
– Longa e franzida: É a ideal para quem quer usar com camisas de alfaiataria. Elas ganham um leve franzido no cós e assim caem em pregas suaves. Não engordam e fazem uma silhueta bonita no corpo.

[07/10/2011] Ele está sempre presente

Colorido, tradicional, moderninho. Não importa a estação, o xadrez nunca perde sua força. Ele sempre dá um jeito de estar nas passarelas. De acordo com a estilista Micheli Doege, da Manobra Radical, com a aproximação dos dias mais quentes do ano e com o calor típico que já começa a ser sentido, o xadrez, mais uma vez dá o ar da sua graça.

Para um visual mais moderno e descolado, o shorts xadrez cumpre a função de manter o conforto com estilo, explica a profissional. E as combinações para as peças são infinitas. “Ele é ótimo para o passeio na praia ou para o final de semana descontraído com os amigos ou família. Vai bem com rasteirinhas ou chinelos, sapatilhas e também com tênis”, destaca. O ideal é combinar a peça com uma blusinha ou camiseta básica e de uma cor só. Mas para os mais ousados, misturar listras ou estampas com o xadrez também pode render um resultado bacana e cheio de personalidade. Na moda, na verdade, o que vale mesmo é cada um se sentir bem do seu jeito.

Facebook
LinkedIn
Instagram